Cidade

Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, CRAS e Conviver se reúnem para definir metas sobre a Campanha Junho Violeta

A pauta do encontro abordou, principalmente, a violência contra os idosos

A reunião foi realizada na quarta-feira, dia 16, se referiu ao mês da Campanha “Junho Violeta” é celebrado o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, na data do dia 15 de junho. A data foi criada durante reunião entre representantes de diferentes países, coordenada pela Organização das Nações Unidas (ONU) e Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, com o objetivo de alertar sobre as violações dos direitos dos idosos.

Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, CRAS e Conviver se reúnem para definir metas sobre a Campanha Junho Violeta

Participaram da reunião, a presidente do Conselho, Carolina Tomaz Oliveira Santana, a coordenadora do Conviver, Aurilene Miranda, a secretária Sandra Rosato, a coordenadora do CRAS João Pinheiro da Silva, Livia Arantes e a coordenadora do CRAS Geni Braga da Silva, Ana Flávia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A pauta do encontro abordou, principalmente, a violência contra os idosos. Foi relatado o quanto os casos de abandono aumentaram durante a pandemia e como os idosos têm dificuldades em denunciar seus agressores, por se tratar, na maioria das vezes, de familiares.

A Campanha será em parceria com a rede de Proteção: CRAS, Conviver, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Lar do Idoso, Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, entre outros.

Todos unidos por uma só causa.


De acordo com a presidente do conselho, Carolina Tomaz, dados do Disque 100 de outubro de 2020 mostram que, no Brasil, durante o período de pandemia, o número de denúncias de violência e maus-tratos contra os idosos cresceu 59%, totalizando 25.533 denúncias. “Para marcar a data, a administração municipal promove, neste mês, um momento de reflexão e valorização da pessoa idosa. Promovendo o Junho Violeta, trazendo como slogan “Violetas contra a violência” – uma campanha não só de combate à violência contra os idosos, mas também a favor da dignidade e do respeito para com essa população idosa”, destacou.

Comentários

Mostrar mais

Artigos relacionados

PUBLICIDADE
Botão Voltar ao topo
X